Estilo

2016 e a insistência nos clichês sobre a beleza da mulher brasileira

  • Gabriela

    Putz, outra pisada de bola da Glamour.

  • Ju H

    Então…mas e a participação da Gisele? Só comento isso porque vejo aqui a mesma toada do episódio da Izabel, mas parece que ninguém comenta em função da nossa über ter uma espécie e imunidade (não questiono o brilho nem o carisma dela, ok?). Naquele momento ela também estava representado a mulher brasileira ao meu ver…Não teria sido mais interessante ver uma comitiva, com uma variedade de mulheres atravessando aquela passarela? Enfim, temos muito que crescer, questionar…

  • Karine Boavista

    Adorei o post!!! Como em um País tão grande como o nosso, uma mulher (ou um tipo de beleza) nos representa?!!As diferenças são tantas, que a miscigenação feminina muda de estado para estado e não tão apenas de região pra região!!! Parabéns para leitora que propôs a discussão, parabéns por blog e parabéns pra nós brasileiras que sabemos representar muito bem todas as bilhões características que o nosso país tem.

  • Niobe S

    Acho meio hipócrita esse questionamento porque tenho certeza absoluta que se tivessem colocado uma mulher negra, vocês não questionariam nada (a julgar pelos gifs postados), achariam lindo e bateriam palmas. Metade do Brasil é negra e parda e metade não é. Essa modelo representou uma das metades, simples assim. Menos hipocrisia, por favor. Ou questiona-se todas ou não se questiona nenhuma.

    • ligia

      O post não fala sobre raça ou etnia e sim sobre ideais de beleza, como se toda mulher brasileira fosse magra alta e com o abdomen trincado. Leia melhor antes de comentar

Ei! Agradecemos por compartilhar nosso conteúdo

Agora vem conhecer nossos outros canais

manda pra uma amiga :)